ARTIGO – LIÇÕES DE UM TIME DE GUERREIROS

Por Gregorio Ventura

Nenhum de nós é tão inteligente quanto todos nós juntos. Warren Bennis Autor Norte-Americano

O mundo corporativo tem a aprender com o mundo esportivo. Recentemente tenho acompanhado os jogos do time de vôlei do Montes Claros que, em sua primeira liga, acaba de chegar à semifinal do campeonato. Os jogos do time batem recordes de público. Uma autêntica sintonia time e torcida. Esta apelidou a equipe de times de guerreiros. Para vencer não basta somente talento é preciso aprender a praticar jogo de equipe, esse é o grande ensinamento de um grande time.

Em muitas organizações as pessoas estão como grupo e não como time. O grupo não tem propósito comum e as pessoas não sabem o real sentido de fazerem parte daquela empresa. Um autêntico time tem senso de unidade, propósito e metas comuns e uma missão clara e vivenciada em todas as suas ações e por todos os integrantes da organização. Frequentemente a inveja e a vaidade levam os grupos a terem comportamentos que prejudicam os resultados e o brilho dos integrantes pode ser apagado por membros que acreditam que somente apagando o brilho do outro e que vão ter o seu próprio brilho. O apoio da torcida ao time do Montes Claros tem mostrado o quanto é importante jogar junto o tempo inteiro, assim, as organizações que se destacam são aquelas em que as pessoas participam, utilizando seus diversos talentos para contribuir para se atingir os resultados. Participar, e não omitir, é a palavra chave de times vitoriosos.

O que impressiona neste time de vôlei, comandado pela liderança do técnico Talmo de Oliveira, é sua capacidade de reverter um placar nas situações mais difíceis. O resultado é focado até o último instante, este é o sentido do time de guerreiros. O time não tem ainda uma grande estrela da seleção brasileira, mas tem um conjunto equilibrado em que todos participam e quando um jogador não está bem o outro entra e oferece sua contribuição no momento certo. Um time apoiado pelo estilo coach de ser do seu treinador que sabe tirar o máximo do potencial de cada integrante, que delega e lidera junto com seus demais líderes. A capacidade de focar o resultado, lidando com as pressões e reorganizando o planejamento, quando necessário, conduz um time à superação. Não importa o quão distante está a meta a ser atingida, mas sim o quão dispostas as pessoas estão para atingi-la. O papel do líder é deixar seu time focado no resultado, sem sucumbir diante das dificuldades, sabendo extrair o melhor de cada integrante.

As organizações necessitam de pessoas guerreiras, de líderes pró-ativos e que cresçam baseados no valor e no potencial da sua equipe. Muitas organizações reclamam de seus resultados, mas seus líderes continuam a não inspirar o melhor das pessoas e a não valorizar como exemplo o senso de propósito comum. A empresa do novo século e que vai perpetuar será aquela que tiver um time de guerreiros, um líder que aja como coach e seja inspirador da transformação positiva das pessoas. E na sua organização? Existe um grupo ou um time de guerreiros?

Anúncios

Uma resposta para “ARTIGO – LIÇÕES DE UM TIME DE GUERREIROS

  1. Boa Tarde,
    Li o artigo anteriormente, mas não tive a oportunidade de deixar uma resposta. Agora o faço apenas para dizer que o artigo é muito bom e verdadeiro. Acho que a gente vê o que está no artigo vendo como funciona desunida, interesseira e distante dos seus objetivos, a Administração Pública. É a atividade da incompetência e das vaidades soberbas, onde todos, invariavelmente procuram trabalhar para o ‘Chefe’, e não para o coletivo da Administração, que é a que interessa ao beneficiário direto: o povo.
    Grande abraço. Wilson

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s