É dada a largada para a 7ª bienal da UNE!

 

Durante encontro com o governador do Ceará, Cid Gomes, o presidente da UNE , Augusto Chagas apresentou a minuta da 7ª Bienal de arte, Ciência e Cultura da UNE que devera acontecer entre janeiro e fevereiro do próximo ano. Destaque ainda para as presenças do diretor de cultura e coordenador geral do CUCA da UNE, Fellipe Redó , o diretor de finanças da entidade, Harlen Oliveira , além outras lideranças estudantis e parlamentares cearenses.

A minuta apresentada ao governador possui o histórico das outras edições da bienal. Nela esta contida a síntese dos últimos 10 anos de experiências de bienais da Une. A ultima aconteceu em salvador e serve de reflexão para nossa próxima edição. “A Bienal da UNE em Salvador conseguiu cumprir um ciclo de 10 anos de bienais. A partir dela pudemos avaliar a função que tem cumprido um festival desse tipo, bem como quais nossos novos desafios para as bienais daqui para frente”, afirma Fellipe Redó. “Penso que as bienais devem se consolidar como m espaço cada vez mais qualificado de apresentação das mostras estudantis, um debate sincero com os estudantes e os principais agentes e pensadores da cultura do país”. Para Redó, o desafio maior será chegar num grau qualitativo para apresentação das mostras e recepção dos estudantes desse encontro.

Diante do deputado federal Chico Lopes e do senador Inácio Arruda, foi ressaltado o potencial aglutinador e inovador que um evento desse porte pode trazer para o estado. Essa opinião faz parte de uma critica da UNE, pois boa parte das ações culturais contempladas pelas leis de incentivo à cultura, por exemplo, são concentradas apenas no sudeste. “A UNE dialoga com todo o Brasil e provamos o que está escrito”, concluiu. 

Augusto Chagas lembrou que os critérios de escolha a cidade sede da Bienal são: suas condições de infraestrutura para receber um evento desse porte (são esperados 10 mil estudantes de todo o Brasil), seu potencial de captação local, seu potencial de articulação institucional, e relação ao conteúdo e tema proposto. “O governador foi muito solicito. Saí muito animado com as condições apresentadas pelo Ceará”, disse Chagas. 

A data e local da 7ª Bienal de arte, Ciência e Cultura da UNE serão definidos na próxima reunião da diretoria da UNE, que será realizada nas próximas semanas. 

 Fonte: Coordenação geral do Cuca da UNE. 

Anúncios

Algumas do final de semana…

1. A Pantera de Gv não aguentou o ataque do TIGRE DO VALE DO AÇO e e levou de 4 na frente da sua torcida

2. O galo está procurando o seu puleiro até hoje. Devia prender a rapoza por maus tratos ao animais.

3. Tadinho do Kassab ou Cassapa. Depois de São Paulo virar a maior piscina do Mundo, agora teve o seu mandato cassado.

4. Agora é oficial. Dilma é a pré-candidata do PT a sucessão de LULA

5. Saiu a lista dos aprovados no concurso público de Governador Valadares. Tem muita gente com barba, bigode, sobrancelhas e tudo o que tem direito de molho

6. Oficialmente começa 2010 para os brasileiros

7. Dada a largada para as candidaturas em GV – Brito, Leonardo Monteiro, Helio Gomes, Dilene Dileu, Paulinho Costa, Euclides Petersem, Lierte Junior, blablabla, blablabla, blablabla, blablabla, blablabla, blablabla, blablabla, blablabla, blablabla, blablabla, blablabla

Pesquisa pelo governo de minas aponta Helio Costa na dianteira

Saiu uma nova pesquisa eleitoral em Minas Gerais. Foi feita pelo DataTempo/CP2. Ganhou as páginas do diário mineiro ‘O Tempo’. A sondagem indica que Hélio Costa (PMDB) mantém o favoritismo na briga pelo governo do Estado. O ministro das Comunicações lidera em todos os cenários. Está à frente dos dois nomes do PT –Fernando Pimentel e Patrus Ananias. Antonio Anastasia (PSDB), o preferido do governador Aécio Neves, é o lanterninha. A pesquisa testou também as chances eleitorais do vice-presidente José Alencar (PRB). Se fosse à disputa como único representante do bloco que gravita em torno de Lula, sem PMDB e PT, Alencar também bateria o indicado de Aécio. Vão abaixo os cenários: Cenário um: – Hélio Costa: 47,83% – Patrus Ananias: 14,92% – Antonio Anastasia: 11,65% Cenário Dois: – Hélio Costa: 48,36% – Fernando Pimentel: 15,98% – Antonio Anastasia: 11,89% Cenário três, sem candidato do PT: – Hélio Costa: 57,94% – Antonio Anastasia: 15,69% Cenário quatro, com Alencar e sem nomes de PT e PMDB: – José Alencar: 53,61% – Antonio Anastasia: 14,53%. A pesquisa inclui, de resto, dois cenários em que os nomes do PT são confrontados com o de Anastasia, sem Hélio Costa e sem Alencar. Fernando Pimentel, o ex-prefeito petista de Belo Horizonte, prevaleceria sobre o candidato de Aécio por 35,47% a 24,40%. Patrus Ananias, o ministro petista do Bolsa Família, derrotaria o tucano Antonio Anastasia por 33,78% por 20,02%. O levantamento foi feito entre os dias 12 e 18 de fevereiro. Ouviram-se 2.078 pessoas. A margem de erro é de 2,15 pontos percentuais. Donos de índices confortáveis de aprovação em Minas, Aécio Neves e Lula tem praticamente o mesmo poder de influência sobre o eleitor do Estado. Os pesquisadores perguntaram o que faria o eleitor se Lula pedisse para votar num candidato ao governo de Minas -24,30% responderam que “com certeza” votariam no candidato do presidente. Outros 31,57% disseram que o apoio de Lula ajudaria, mas não seria decisivo na hora de fazer a opção por um dos candidatos. Somando-se os dois percentuais, conclui-se que 55,87% dos eleitores mineiros admitem que a opinião de Lula tem ou pode ter influência na hora de votar. E quanto a Aécio? 21,90% disseram que votariam no indicado do governador “com certeza”; 32% responderam que a opinião do governador os ajudaria a decidir, mas não seria decisiva. Ou seja, 53,90% admitem que vão ou podem vir a se guiar pela opinião de Aécio. A pesquisa permite tirar pelo menos quatro conclusões: 1. O PMDB vai reforçar na negociação da aliança pró-Dilma a exigência de que o PT nacional retire do caminho de Hélio Costa os petistas Pimentel e Ananias. A pesquisa indica que, aos olhos de hoje, Hélio Costa iria à campanha com potencial para levar o governo do segundo maior colégio eleitoral do país no primeiro turno. 2. José Alencar emerge da pesquisa como algodão entre os cristais do PMDB e do PT. Revela-se uma grande alternativa pacificadora. Há, porém, pelo menos um senão: a família de Alencar torce o nariz para a idéia de vê-lo no centro do ringue. Prefere que ele se concentre na luta contra o câncer. 3. Se quiser eletrificar Anastasia, Aécio Neves terá de trabalhar como um mouro. O prestígio do governador é alto. Mas não serviu, por ora, para iluminar o seu poste. 4. As perguntas sobre o poder de influência de Lula e Aécio junto ao eleitor restringiram-se à disputa para o governo mineiro. Porém… Porém, pode-se intuir que a dupla influirá também na opção dos mineiros em relação à refrega presidencial. Bom para Dilma Rousseff, cujo cabo-eleitoral desfruta, em Minas, da mesma capacidade de fazer a cabeça do eleitor exibida por Aécio. Com uma vantagem: sabe-se que Lula é Dilma 100%. Não há a mesma certeza em relação ao grau de envolvimento de Aécio na campanha de José Serra. Nesta semana, a propósito, de volta de uma licença de 11 dias, Aécio deve receber um telefonema de Serra. Deseja vê-lo, para um acerto de ponteiros.

Prefeita Elisa Costa anuncia primeiros cursos da universidade federal de Valadares

A prefeita Elisa Costa anunciou, nesta quarta-feira (10/02), durante coletiva à imprensa, quais os possíveis primeiros cursos que terá o campus da Universidade Federal de Juiz de Fora em Governador Valadares: Medicina, Odontologia, Ciências Biológicas, Direito e Economia. A implantação do campus da UFJF em Valadares foi anunciada pelo ministro da Educação, Fernando Haddad, e o Presidente da República, Luiz Inácio Lula da Silva, ontem (9/02), durante visita à Valadares. De acordo com a prefeita, a vinda de um campus de universidade pública com ensino presencial é um grande passo para a conquista futura da universidade federal do Vale do Rio Doce. A indicação dos primeiros cursos foi feita pela própria UFJF.

De acordo com a prefeita Elisa Costa, Governador Valadares está vivendo um momento marcante em sua história, quando um projeto estruturante de desenvolvimento sustentável e duradouro está sendo implantando. “Neste ano, todos os alunos da rede municipal, na cidade e na área rural, irão ter Escola em Tempo Integral. Nossos jovens já estão tendo a oportunidade de ingressar em universidade pública de qualidade, com o campus do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia (IFMG) de Valadares, o Polo de Educação a Distancia, e, agora, com o campus da UFJF. Isto é valorização de pessoas, é promover desenvolvimento para nossa gente, nossa cidade”.

Para que o campus da UFJF seja implantado em Valadares, o Município tem que doar uma área de no mínimo 50 hectares. “A Prefeitura já se comprometeu em doar o terreno, que não é fácil de se conseguir por causa do tamanho exigido pelo Ministério de Educação (MEC). No momento, estamos à procura desta área, que corresponderá a duas vezes à área destinada ao Parque Municipal”, afirmou o Secretário Municipal de Planejamento, Jaider Batista. Enquanto o campus não for construído, a Prefeitura, conforme sugestão dada pelo presidente Lula, providenciará instalações provisórias para funcionamento da Universidade, garantindo a realização do vestibular ainda no fim deste ano. Jaider disse, ainda, que com a vinda do curso de medicina para Valadares, o Hospital Municipal, que atende a mais de 80 municípios, poderá se transformar em hospital escola, ou hospital das clínicas.

Escola de Tempo Integral

Em 2010, todos os 26 mil alunos das 50 escolas municipais de Governador Valadares, da cidade e da área rural, terão Escola de Tempo Integral. Esta é uma das prioridades e metas do Governo que já se torna realidade. “Queremos e estamos dando oportunidades para todos e todas. Nossas crianças e jovens precisam ser valorizados e receber muito investimento para que não fiquem à margem das oportunidades de universidade pública e de qualidade que estão sendo conquistadas pelo nosso município”, afirmou a secretária Municipal de Educação, Sames Assunção Madureira.

IFMG de Valadares

O campus definitivo do IFMG em Valadares está em fase de construção, mas as aulas para dois cursos superiores e um de nível técnico já começam em março deste ano. É que enquanto o campus não fica pronto, o município vai oferecer salas para as aulas. O primeiro vestibular foi realizado em dezembro do ano passado. IFMG é o novo nome dado aos Centros Federais de Educação Tecnológica (Cefet).

Confira os primeiros cursos do IFMG em Valadares:

Cursos superiores:

– Engenharia de Produção e

– Tecnologia em Gestão Ambiental

Curso técnico:

– Segurança do Trabalho.

Polo de Educação a Distância

O município já conta com um Polo de Apoio Presencial de Educação a Distância, da Universidade Aberta do Brasil (UAB). O polo conta com as parcerias da Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG), a Universidade de Ouro Preto (UFOP) e a Universidade Federal de Lavras (UFLA) para oferecer universidade pública aos valadarenses. São cinco cursos de graduação, dois de pós-graduação e um de extensão no Polo de Apoio Presencial de Educação a Distância de Governador Valadares.

Confira os cursos:

Graduação

– Licenciatura em Ciências Biológicas (UFMG)

– Licenciatura em Química (UFMG)

– Licenciatura em Matemática (UFMG)

– Licenciatura em Pedagogia (UFMG)

– Administração Pública (UFOP)

Pós Graduação (Especialização)

– Atenção Básica em Saúde da Família (UFMG)

– Gestão Pública (UFOP)

Extensão

– Gênero e Diversidade na Escola (UFMG)

Zé Dirceu: Sanha antigoverno do Globo não tem limites

Publicado no site do ex-ministro José Dirceu:

Ex.ministro José Dirceu

Na aberta campanha movida contra o governo Lula, intensificada nos últimos dias, ao mesmo tempo em que se empenha em ajudar a oposição, particularmente o ex-presidente Fernando Henrique Cardoso, o jornal dos Marinhos, O Globo, do Rio, não tem limites.

Diante da estratégia que será seguida pela candidata do presidente, do PT e aliados, Dilma Rousseff, de comparação entre os governos FHC x Lula na campanha eleitoral, o jornal apressou-se a fazer ele próprio esse trabalho. Claro que distorcendo tudo a favor dos tucanos e de FHC.
Na edição de ontem arrumaram vários “especialistas” para defender a tese do jornal e dos tucanos de que a comparação só pode ser feita se for levado em conta o “contexto” em que cada governo se desenvolveu e que portanto não deve ser feita se referindo-se a contextos diversos. Hoje utilizam a manchete “No mesmo campo”, colocada na 1ª página, para dizer que “Lula não faz mais do que FH na reforma agrária”.
Não é fato. Além de ter assentado 40 mil famílias a mais que o período FHC, na reforma agrária e na agricultura familiar, batemos de 10 a 0 nos tucanos, não apenas pelo aumento do crédito – multiplicado seis vezes, de R$ 2,5 bi no último ano de tucanato para R$ 15 bi atualmente – mas em todas as demais medidas atinentes às duas áreas.

Preso à sua sanha antigoverno, O Globo está atrasado em relação aos acontecimentos e consegue ser mais reacionário do que o Estadão. Enquanto este diz hoje que já estão em discussões mudanças “para retirar viés estatizante ” do programa de governo de Dilma, o jornalão carioca diz que essa tendência está reforçada no futuro programa da futura administração.

Temos aí, então, O Globo em sua prática de jornalismo de mentira, de manipulação dos fatos e informações, fazendo política barata, de província, partidária, um jornal transformado em panfleto ideológico e num boletim de um grupelho político.

Prefeitura de Governador Valadares lança Escola de Tempo Integral.

Novo modelo educacional atenderá 26 mil alunos na rede municipal de ensino

Crianças e adolescentes na escola o dia inteiro estudando, praticando esporte, fazendo arte e se alimentando bem. Esta é a meta da Prefeitura com o programa da Escola em Tempo Integral. O lançamento do programa acontece nesta quinta-feira (11/02), às 19 horas, no Teatro Atiaia (Av. Brasil, 2.920 – centro).

Um total de 50 escolas, divididas na área urbana e rural, estão preparadas para receber os alunos no próximo dia 22 de fevereiro. Para adequar as escolas ao novo modelo, a Prefeitura realizou uma série de obras de reforma e adequação nas unidades para atenderem com o máximo de amplitude os alunos, os quais terão o ensino regular e várias atividades complementares, como: práticas esportivas, culturais e reforço escolar.

A secretária de Educação Sames Assunção Madureira explica que a Educação Integral veio para desenvolver uma proposta educacional de mudanças que ofereça educação transformadora e comprometida com a formação humana, integralmente. “Não é apenas ampliação do tempo do aluno na escola, mas uma proposta que possibilite vivência democrática nas relações das crianças e adolescentes, em todos os tempos e espaços da escola e da comunidade”, disse.

Os alunos do Ensino Fundamental e Educação Infantil permanecerão na escola de 7 horas da manhã às 15 horas, um total de 8 horas diárias. Nos Centros Municipais de Educação Infantil (CMEIs) e Instituições Conveniadas (Creches) as crianças permanecerão na Instituição de 7 às 17 horas, um total de 10 horas diárias.

Formação dos professores

Em 2009, a Secretaria Municipal de Educação promoveu debate sobre o tema “Escola em tempo integral”, com todos os profissionais da rede. Mais de duas mil pessoas discutiram o programa, em dois encontros.

Em janeiro foi a vez da reorganização curricular e preparação de toda a rede para receber os alunos. “Os professores efetivos se reuniram durante três dias na Escola Municipal Teotônio Vilela para formação”, comenta a secretária de Educação. A formação dos professores será encerrada nesta quinta-feira (11/02), durante o lançamento do Programa no Teatro Atiaia.