Candidatos firmam pacto para o segundo turno

Três candidatos a prefeito de BH – Leonardo Quintão (PMDB/PHS), Jô Moraes (PCdoB/PRB) e Sérgio Miranda (PDT/PCB) – acertaram um pacto para um eventual segundo turno. Dos três, quem for para o segundo turno, terá o apoio dos outros dois, seja qual for o adversário a ser enfrentado.


Leonardo Quintão revelou o pacto após visita ao Conselho Regional de Administração (CRA-MG), onde é um dos 23 mil registrados em Belo Horizonte. Ele antecipou que, indo para o segundo turno, terá o apoio dos dissidentes do PT, até mesmo dos ministros Patrus Ananias e Luiz Dulci (Secretaria Geral da Presidência). Ele deixou claro que o pacto foi feito para enfrentar o candidato do PSB/PT, Marcio Lacerda, que, acredita, estará no segundo turno. «Eu não votarei nele em nenhuma hipótese», confessou o peemedebista.

Jô confirmou o entendimento e disse que ele poderá ser ampliado. «Vamos conversar com todos os outros candidatos, menos Marcio Lacerda (PSB), que tem o apoio do governador Aécio Neves e do prefeito Fernando Pimentel», disse ela.
Quintão diz ter grande simpatia por Patrus e Dulci. «Vamos nos unir no segundo turno e ganhar a eleição vencendo a força do poder econômico com a força do povo», afirmou Quintão. O presidente do CRA, Gilmar Camargo de Almeida, participou da entrevista e disse que tem ouvido dos mineiros mais politizados que a eleição em Belo Horizonte resgatou «a volta do coronelismo político». «Isto é um retrocesso e parece curral eleitoral».

Quintão revelou que, apesar das pressões inibindo as doações para as campanhas, vai fechar agosto com saldo positivo. Segundo ele, as empresas que prestam serviços para o estado e a prefeitura teriam sido proibidas de financiar outras candidaturas a não ser a de Marcio Lacerda. Ele confessou que, mesmo assim, já recebeu doações de algumas empresas. Durante a visita, Quintão anunciou que, sendo eleito, vai criar a Escola de Governo para formar administradores públicos e melhorar a qualidade dos serviços da prefeitura, acabando com a burocracia. O candidato do DEM, deputado Gustavo Valadares, gravou programas eleitorais e fez campanha nos bairros São Bernardo, Aeroporto e Ouro Preto, na Região da Pampulha. O candidato reservou o horário de almoço para realizar mais um comício itinerante. Percorreu, na região da Pampulha, entre os bairros Ouro Preto e Castelo, diversas vias públicas levando sua mensagem e nome para as eleições deste ano.

Fonte: Jornal Hoje em Dia

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s